Subscreva a Newsletter da Igreja Lusitana
.


 

 
Uma delegação ecuménica da Comissão das Conferências Episcopais da União Europeia (COMECE) e da Conferência das Igrejas Europeias (CEC) participou num encontro online a 28 de janeiro de 2021 com Nuno Brito, representante permanente de Portugal junto da União Europeia, para trocar impressões sobre as prioridades da Presidência Portuguesa do Conselho da União Europeia.
 
O Embaixador Nuno Brito destacou que “as Igrejas na Europa desempenham um papel importante ao lembrar às nossas sociedades que a Europa se baseia na centralidade da dignidade humana e que não devemos ter medo dos nossos vizinhos”.
A delegação das Igrejas europeias, especialmente no contexto da desafiadora pandemia COVID-19, destacou a necessidade da Presidência Portuguesa promover a recuperação europeia potenciada pelas transições verdes e digitais, e assim concretizar o Pilar Social da UE como um elemento chave para garantir uma transição justa, inclusiva, verde e digital e para reforçar a autonomia estratégica de uma Europa aberta ao mundo.
 
“Os nossos valores europeus comuns - respeito pela dignidade humana e pelos direitos humanos, liberdade, democracia, solidariedade, igualdade e Estado de direito - devem ser continuamente reforçados, a fim de reafirmar o nosso compromisso com a visão da União Europeia como sendo uma verdadeira comunidade de valores que contribuem para o futuro compartilhado e sustentável do mundo», compartilhou a delegação com o embaixador Brito.
 
As reuniões com as presidências rotativas do Conselho da UE fazem parte de uma tradição de longa data, que prevê um diálogo aberto, transparente e regular entre as instituições da UE e as Igrejas e associações ou comunidades religiosas.
 
A delegação das Igrejas da UE era composta por:
· Pe. Manuel Barrios Prieto, Secretário-Geral da COMECE;
· Dr. Jørgen Skov Sørensen, Secretário-Geral da Conferência das Igrejas Europeias (CEC);
· José-Luis Bazán, Conselheiro Jurídico do COMECE para Migração, Asilo e Liberdade Religiosa.
 
Traduzido e adaptado em 4 fevereiro 2020 pelo Departamento de Comunicação da Igreja Lusitana

Igreja Lusitana Católica Apostólica Evangélica - Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.