Subscreva a Newsletter da Igreja Lusitana
.



Bispo Carlos Matsinhe é o novo Presidente da Comissão Nacional de Eleições

A nova Comissão Nacional de Eleições (CNE) de Moçambique elegeu na sexta-feira o Bispo Anglicano da diocese dos Libombos no sul de Moçambique, Carlos Matsinhe, como seu Presidente para os próximos seis anos.

Na eleição, realizada na sede da CNE pouco depois do Presidente Filipe Nyusi empossar os 17 membros da CNE, o Bispo Matsinhe ganhou por maioria em relação ao outro candidato, Apolinário João.

Apolinário João tinha sido proposto por Fernando Mazanga, a figura mais importante na CNE do principal partido da oposição, a Renamo.

Dirigindo-se aos jornalistas na sua primeira intervenção como novo presidente, o Bispo Matsinhe falou sobre o desafio de dirigir a CNE como um órgão que cumpre a lei, para assegurar que os resultados eleitorais sejam sempre alcançados dentro do quadro legal.

“Em suma, cada eleição é um grande desafio e a preparação dessa eleição também é um desafio. Mas as soluções para esses desafios serão encontradas ao longo do caminho ”, disse o Bispo.

O Bispo Matsinhe exortou os novos membros da CNE a não pouparem esforços para assegurar um órgão eleitoral que garanta o melhor desempenho.

“Gostaria de apelar a todos os membros para que comecem a cultivar um espírito participativo e uma cultura de paz para que as eleições sejam livres, justas e credíveis, porque só assim faremos de Moçambique um país democrático e em desenvolvimento,” afirmou. O Bispo Matsinhe substitui o clérigo muçulmano Abdul Carimo, que foi presidente da CNE durante os anteriores sete anos.

Fonte: AIM - Moçambique, 15 de janeiro de 2021

(Traduzido e adaptado pela Rede Lusófona da Comunhão Anglicana - 19 de janeiro de 2021)

Igreja Lusitana Católica Apostólica Evangélica - Copyright © 2020. Todos os direitos reservados.