Subscreva a Newsletter da Igreja Lusitana
.

Cúpula de Ação Climática das Nações Unidas: Compromissos do Conselho Consultivo Anglicano

Cúpula de Ação Climática das Nações Unidas, 23 de setembro de 2019: Compromissos do Conselho Consultivo Anglicano1
 
As mudanças climáticas são uma ameaça existencial à paz e segurança, direitos humanos, prosperidade econômica e preservação cultural e ecológica. O Conselho Consultivo Anglicano (CCA) congratula-se com a liderança do Secretário-Geral das Nações Unidas na convocação da Cúpula de Ação Climática da ONU e insta todos os Estados Membros e outras partes interessadas a fazerem compromissos corajosos, ambiciosos e necessários para apoiar os objetivos da Cúpula.
O CCA aprovou recentemente resoluções comprometendo a Comunhão Anglicana a desempenhar seu papel no enfrentamento às causas e consequências das mudanças climáticas. Afirmando que existe uma emergência climática global, o CCA encorajou todas as suas Igrejas Membros a 'se esforçarem ativamente para salvaguardar a integridade da criação e sustentar e renovar a vida da Terra'2, por exemplo:
• Ao promover um dia durante o Tempo da Criação como um dia de arrependimento público
• Desenvolvendo um plano de ação e recursos para uma vida sustentável em nível indivídual, paroquial, diocesano e provincial, incluindo políticas e procedimentos para minimizar o desperdício, aumentar o uso de energias renováveis e incorporar o cuidado da criação na prática litúrgica
• Preparando um jejum quaresmal para a criação
• Realizando conferências de planejamento estratégico sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e Mudanças Climáticas, garantindo o envolvimento de vozes indígenas, de jovens e de mulheres
• Identificando ameaças ambientais e relacionadas ao clima em seu contexto atual e desenvolvendo ou adaptando as ferramentas existentes preparação e mitigação de desastres para responder adequadamente.
Uma das principais maneiras pelas quais a Comunhão Anglicana está respondendo à emergência climática é através do trabalho para criar resiliência climática no nível da comunidade. O ACC chama todas as Igrejas Membros a:
• reconhecer o papel importante do conhecimento dos povos indígenas / das nações originárias na construção de resiliência às mudanças climáticas nas comunidades
• incentivar o investimento em recursos para apoiar a educação, o treinamento e o ativismo no enfrentamento das mudanças climáticas
• desenvolver uma estratégia para a preparação para desastres induzida pelo clima, assistência emergencial e reabilitação pós-desastre.
____________________________________________
1 O Conselho Consultivo Anglicano (ACC em inglês) é o organismo legislativo e de formulação de políticas dos 85 milhões de membros da Comunhão Anglicana em todo o mundo, espalhados por 40 igrejas-membros em mais de 165 países. O ACC tem status Consultivo Especial junto ao ECOSOC (Conselho Econômico e Social das Nações Unidas) desde 1985.
2 A Quinta 'Marca da Missão' da Comunhão Anglicana. As Marcas da Missão são uma declaração importante sobre a missão. Eles expressam o compromisso comum da Comunhão Anglicana e a compreensão da missão holística e integral de Deus.
 

Igreja Lusitana Católica Apostólica Evangélica - Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.